ANÁLISE DA DISPONIBILIDADE HÍDRICA PARA O APROVEITAMENTO DE ÁGUA DE CHUVA NO ESTADO DO MARANHÃO, BRASIL

Ellen Soares Ferreira Marques, Mariane Furtado Gonçalves, Claudio José Cavalcante Blanco, Josias da Silva Cruz

Resumen


A captação de água da chuva é usada como forma alternativa para redução do consumo de água produzida pelas concessionárias, que para consumidores de baixa renda significa economia importante. Nesse contexto, a sazonalidade das chuvas foi estudada para aproveitamento e reuso no estado do Maranhão, Brasil. Para isso, séries de chuvas de 12 estações foram analisadas, seguindo a metodologia utilizada nas Normais Climatológicas do Brasil. Os seis meses com maiores e menores índices pluviométricos foram tomados para gerar o total de precipitação do período chuvoso e o total do período seco, respectivamente. O volume mensal de água captada em função da área de telhados residenciais nos períodos chuvoso e seco foi calculado. Assim, comparou-se e se verificou a possível redução no consumo de água da concessionária em ambos os períodos do ano para residências com 2, 4 e 6 pessoas. E, constatou-se, que para o Estado do Maranhão, o quantitativo de água da chuva para reuso pode ser usado para fins não potáveis, visando reduzir a produção de água potável pela concessionária e o valor das faturas da população.


Palabras clave


reuso de água; fins não potáveis; viabilidade ambiental; sazonalidade

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: http://dx.doi.org/10.22201/iingen.0718378xe.2022.15.1.77266